Veludo Azul – It’s a strange world


“Veludo azul – It’s  a strange world” é um trabalho de ilustração e fotografia desenvolvido pelo Fazimento Estúdio. Portanto, ele foi criado como uma homenagem ao filme “Veludo Azul” (1986), de David Lynch, um mistério policial ao melhor estilo film noir. Ele conta a história do jovem Jeffrey Beaumont, que está de volta a sua pequena cidade natal nos subúrbios da Carolina do Norte, onde ele se envolve na investigação de um possível crime ao encontrar uma orelha decepada em um matagal.

“Não faço a menor ideia do que seja”David Lynch

Assim, criamos nossa versão da descoberta da orelha utilizando a ilustração, a fotografia e o digital para editar a imagem criada. Do mesmo modo, sem deixar de lado a frase recorrente proferida algumas vezes pelo protagonista do filme, “It’s a strange world, isn’t it?” (“É um mundo estranho, não é?”). Apesar de não vivermos em um filme de Lynch, acreditamos que há muito de seu absurdo na realidade e gostamos da orelha como uma forma de nos fazer enxergá-lo.

Gostamos também do estilo Lynch de tratar sua obra, ressaltando bem que o espectador é encarregado do seu papel absoluto de dar sua visão própria para a arte. Para finalizar, deixamos aqui uma frase que ilustra bastante o pensamento do diretor, utilizada como título de um capítulo do seu livro

“Em Águas Profundas: criatividade e meditação”. Ela se refere a outro de seus filmes mais famosos, “Cidade dos Sonhos” (2001):

Share Project :

Ilustração tradicional do filme Veludo Azul (1986), de David Lynch

  • Categories:
  • Skills:
    • Fotografia
    • Ilustração tradiconal
  • Share Project :